Esses eus de que somos feitos, sobrepostos como pratos empilhados nas mãos de um empregado de mesa, têm outros vínculos, outras simpatias, pequenas constituições e direitos próprios - chamem-lhes o que quiserem (e muitas destas coisas nem sequer têm nome) - de modo que um deles só comparece se chover, outro só numa sala de cortinados verdes, outro se Mrs. Jones não estiver presente, outro ainda se se lhe prometer um copo de vinho - e assim por diante; pois cada indivíduo poderá multiplicar, a partir da sua experiência pessoal, os diversos compromissos que os seus diversos eus estabelecerem consigo - e alguns são demasiado absurdos e ridículos para figurarem numa obra impressa.

- Virginia Woolf (via trechosdaliteratura)

deposito-de-tirinhas:

por Orlando Pedroso http://www.orlandopedroso.com.br/

In the end you can’t always choose what to keep. You can only choose how you let it go.

- ― Ally Condie (via psych-quotes)


Waiting at the bus stop - My Neighbour Totoro